A Agenda da Segurança e do Desenvolvimento (Humano) Pós 2015: Análise e Reflexões Prospetivas

Ana Isabel Xavier

Abstract

Foi em Setembro de 2000 que os 189 Estados-membros das Nações-Unidas, reunidos na Cimeira do Milénio, se comprometeram a guiar os seus esforços coletivos em torno de oito Objetivos do milénio (ODM) no que diz respeito ao combate à pobreza e ao desenvolvimento sustentável. 15 anos volvidos, a ONU prepara-se para implementar a agenda 2015-2030 através dos renovados Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Para além de salientarmos o balanço e a devida cronologia destes objetivos, iremos privilegiar também uma análise prospetiva que tome em consideração as futuras tendências globais em termos de fluxos migratórios, crescimento demográfico e acesso a recursos (comida e água). De facto, quando fixamos a nossa atenção no pós 2015 importa ter em conta quer a relação entre a dinâmica da população e a sustentabilidade do planeta, quer o bem-estar e o respeito pelos Direitos Humanos. Para além disso, a anarrativa subjacente aos objetivos de desenvolvimento das Nações Unidas parece ser a da insistente securitização do desenvolvimento, pelo que importa também perceber como o nexo entre a segurança e o desenvolvimento influi na matriz de análise das tendências futuras.

Palavras-Chave: Segurançsa, Desenvolvimento, Sustentabilidade, Nações Unidas, Prospetiva.

Full Text:

PDF

Refbacks

  • There are currently no refbacks.